Augusto Pestana

Rio Grande do Sul

 

História de Augusto Pestana - RS

Augusto Pestana
Rio Grande do Sul - RS



A ocupação do espaço de Augusto Pestana, teve seu início por volta de 1870, quando a família Aires depois de abrir uma picada, radicou-se no lugar atualmente denominado Boca da Picada.
Em 1888, o italiano Pedro Nogara fixou residência no atual Alto Leal, antigo Formigueiro.

Posteriormente, vieram os alemães, cujo papel foi preponderante nessa colonização, mas como visto, colonos de ascendência portuguesa e italiana precederam os alemães como moradores isolados na região.

Conforme alguns escritos, a história de Augusto Pestana começou em 1901. Em setembro desse ano, chegaram os imigrantes alemães, vindos da então Colônia Velha (Montenegro, São Sebastião do Caí, Santa Cruz do Sul e Cachoeira) que deram a este lugar o nome de Serra do Cadeado, porque havia em uma  fazenda de propriedade da viúva do Dr. Raimundo Silva, uma porteira fechada com um enorme cadeado que se constituía em passagem obrigatória para  transeuntes que vinham de Cruz Alta.

A colonização propriamente dita, foi iniciada no ano de 1901, quando o engenheiro Dr. Augusto Pestana, na época chefe da comissão de terras da Colônia de Ijuí, se responsabilizou pela medição das terras de Serra Cadeado.

A Serra Cadeado aos poucos foi sendo ocupada. As florestas ricas em madeira de lei, constituía-se em atração para os desejos de aventurar a colonização, principalmente pelo húmus acumulado na fértil terra roxa, onde as sementes eram lançadas brotando na forma de ricas e variadas culturas.

Já por volta de 1903, foi fundada a primeira comunidade evangélica, denominada Santíssima Trindade, religião predominante entre os imigrantes alemães, junto também à igreja, surgiu a Comunidade Escolar.

A cultura alemã e a religião evangélica são predominantes no município, ainda hoje é comum ver pessoas falando alemão na cidade.


Gentílico:augusto-pestanense

Formação Administrativa

2º distrito de Ijuí criado com a denominação de Dr. Pestana, por Ato Municipal nº 1, de 12.02.1912.

Elevado à categoria de município com a denominação de Augusto Pestana, pela Lei Estadual nº 5030, de 17-09-1965, originando-se do desmembramento de terras de três outros municípios: Ijuí, Cruz Alta e Santo Ângelo. Instalado em 14 de maio de 1966.

Pela Lei Mnicipal nº 10 de 22-06-1968, é criado o Distrito de Rosário, na localidade de mesmo nome.

O município é constituído de 2 distritos: Augusto Pestana e Rosário.

Fonte: IBGE

Voltar

 

O que a prefeitura faz, a gente mostra aqui!

 


© Copyright 2015-2022 Prefeitura em Pauta.
Todo conteúdo deste site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

LOGIN DO USUÁRIO

Buscar cidade