Marcelino Vieira

Rio Grande do Norte

 

História de Marcelino Vieira - RN

Marcelino Vieira Rio Grande do Norte - RN


A POVOAÇÃO originou-se de fazendas de criação de gado. Inicialmente, chama-se Passagem do Feijó. Em 1864, Raimundo Fernandes doou uma parte de suas terras ao Padre Bernardino José Queiroz então vigário de Pau dos Ferros, que iniciou a construção da capela. Dois anos depois o Padre Bernardino mudou o nome do arruado para Vitória, já à época, esparso, mas densamente povoado.

Quando elevado à categoria de vila, passou a ser chamdo de Panatis, devido aos índios penatis, primitivos habitantes. Desmembrado de Pau dos Ferros e Alexandria, passou à Cidade com o nome de Marcelino Vieira, paraibano, chefe político de Luis Gomes, que impôs-se pela serena energia, bondade acolhedora, que valorizou, pela inciativa e exemplo, a terra que o considerava um dos melhores filhos.

Gentílico: marcelinense ou vieirense

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de Vitória, pela lei municipal nº 5, de 02-4-1902, subordinado ao município de Pau dos Ferros.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Vitória, figura no município de Pau dos Ferros
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Vitória, não figura pois o mesmo foi extinto.

Distrito criado novamente pelo decreto estadual nº 603, de 31-10-1938, subordinado ao município de Pau dos Ferros.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Vitória, figura no município de Pau dos Ferros.

Pelo decreto-lei estadual nº 268, de 30-12-1943, o distrito de Vitória, passou a denominar-se Panatis.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o distrito de Panatis ex-Vitória, figura no município de Pau dos Ferros.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1950.

Elevado à categoria de município com a denominação de Marcelino Vieira, pela lei estadual nº 909, de 24-11-1953, desmembrado de Pau dos Ferros. Sede no atual distrito de Marcelino Vieira ex-Panatis. Constituído do distrito sede. Instalado em 24-01-1954.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.


Alterações toponímicas distritais
Vitória para Panatis alterado, pelo decreto-lei estadual nº 268, de 30-12-1943. Panatis para Marcelino Vieira pela lei estadual de 909, de 24-11-1953.

Fonte: IBGE

Voltar

 

O que a prefeitura faz, a gente mostra aqui!

 


© Copyright 2015-2022 Prefeitura em Pauta.
Todo conteúdo deste site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

LOGIN DO USUÁRIO

Buscar cidade