Riolândia

São Paulo

 

História de Riolândia - SP

RIOLÂNDIA SÃO PAULO
HISTÓRICO
A peneteração dos primeiros desbravadores da região próxima à confluência do rio Turvo com o rio Grande, primitivamente habitado pelos índios Caiapós, se faz através de Minas Gerais.

Foi o catequista, Padre José Vicente Gonçalves de Macedo, quem, descendo o rio Verde, estabeleceu contato com os índios aldeados junto à foz, onde hoje se localiza a Cidade mineira de São Francisco de Sales e que acabou transpondo o rio Gande e penetrando em São paulo pelo rio Turvo.

Nesse último rio, a missão catequista estabeleceu uma colônia no local à jusante da Cachoeira do Talhadão, onde mais tarde foi insalado o porto do marques.

Pacificados os índios, pelo Padre macedo, vieram diversas famílias paulistas, mas que seguiram o mesmo percurso missionário, isto é, pelo triângulo Mineiro. Assim vieram os Costa Maldonado, os Lemos Campos, os Santana e Felisbino, que passaram a ocupar as terras do Turvo, mais tarde constituindo um povoado juntoao córrego do Veadinho. São considerados fundadores, Antônio Livino Borges e Joaquim Escolástico Maldonado.

Em bora a povoação tivesse sua formação em fins do século passado, somente em março de 1935 foi criado o Distrito de Paz, no Município de Olímpia, com o nome de Veadinho. Em 1944 foi alterado para Veadinho do Pôrto e, em 1953, passou à denominação de Riolândia.


GENTÍLICO: RIOLANDENSE
FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
Distrito criado com a denominação de Veadinho, por Decreto no 7010, de 12 de março de 1935, no Município de Olímpia.

O Decreto-lei no 9775, transfere o distrito para o Município de Paulo Faria.

Decreto-lei estadual no 14334, de 30 de novembro de 1944, altera a denominação de Veadinho para Veadinho do Porto.

Elevado à categoria de município com a denominação de Riolândia, por Lei Estadual no 2456, de 30 de dezembro de 1953, desmembrado de Paulo de Faria. Constituído do Distrito Sede. Sua instalação verificou­se no dia 01 de janeiro de 1955.

Fixado o quadro territorial para 1954-1958, o município é composto do Distrito Sede, e pertence a comarca de Nova Granado.

Em divisão territorial datada de 01-VII-1960, o município é constituído do Distrito Sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Fonte: IBGE

Voltar

 

O que a prefeitura faz, a gente mostra aqui!

 


© Copyright 2015-2022 Prefeitura em Pauta.
Todo conteúdo deste site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

LOGIN DO USUÁRIO

Buscar cidade