Cunha Porã

Santa Catarina

 

História de Cunha Porã - SC

Cunha Pora
Santa Catarina - SC



Em fevereiro de 1931, Arthur Herbes e João Kolln, procedentes do Rio Grande do Sul, exploraram a terra para ali se estabelecerem, seguidos de Johann Georg Salfner e seu filho Georg Albert Salfner, oriundos de Hindeland, Alemanha. Em agosto, Guilherme Hochberger veio também da alemanha a mando da companhia colonizadora, com o objetivo de receber e alojar os imigrantes. João Kolln construiu, então, a primeira serraria com o auxílio dos demais moradores, serrando manualmente a madeira destinada à obra. Entre os pioneiros estão, ainda Wilhelm Julius Hochberger, Willibald Weinwe, Adolfo Heydt e outros.

Os novos desbravadores abriram uma clareira em plena mata, dando início à implantação do núcleo, com o nome de Cunha Porã.

Em fins de 1932, surgiu pequeno comércio de gêneros alimentícios, de propriedade de Arnoldo Kolln. No mesmo ano foi fundada a primeira comunidade religiosa.

Os efeitos da Segunda Guerra Mundial estagnaram a nova Colônia que , a partir de 1946, recebeu diversas levas de imigrantes, intensificando-se o desenvolvimento.


Gentílico: cunha-porense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Cunha Porã, pela lei municipal nº 41, de 30-11­1950, aprovada pela lei estadual nº 26, de 16-10-1951, ex-povoado, desmembrado do distrito de Palmitos, subordinado ao município de Chapecó.

Pela lei estadual nº 133, de 30-12-1953, transfere o distrito de Cunha Porã do município de Chapecó para formar o novo município de Palmitos.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de Cunha Porã figura no município de Palmitos.

Elevado à categoria de município com a denominação de Cunha Porã, pela lei estadual nº 348, de 21-06-1958, desmembrado de Palmitos. Sede no antigo distrito de Cunha Porã. Constituído do distrito sede. Instalado em 20-07-1958.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

Pela lei estadual nº 774, de 27-11-1961, é criado o distrito de Iraceminha e anexado ao município de Cunha Porã.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Cunha Porã e Iraceminha.

Pela lei estadual nº 7577, de 26-04-1989, desmembra do município de Cunha Porã o distrito de Iraceminha. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 14-V-2001.


Tranferência distrital
Pela lei estadual nº 133, de 30-12-1953, transfere o distrito de Cunha Porã do município de Chapecó para o novo município de Palmitos.

Fonte: IBGE

Voltar

 

O que a prefeitura faz, a gente mostra aqui!

 


© Copyright 2015-2019 Prefeitura em Pauta.
Todo conteúdo deste site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

LOGIN DO USUÁRIO

Buscar cidade