Sobral

Ceará

 

História de Sobral - CE

A cidade de Sobral localiza-se às margens do rio Acaraú, onde se ergueram, com o correr dos anos, na quadra da conquista do Ceará Grande, arraiais, povoados e vilas, mais tarde transformados em cidades.

Rezam as crônicas que a região foi povoada pelas famílias que vieram ao Ceará acossadas pelos atropelos da guerra contra os holandeses. Um dos primeiros núcleos, então formados, foi localizado nas proximidades do riacho Guimarães, que, em 1712, já possuía capela. Outro arraial, o de São José, se formou nas proximidades do local onde iria surgir a cidade de Sobral.

Destes dois núcleos partiu, firme, o povoado de todo o vale do Acaraú, através do labor agrícola, do estabelecimento de fazendas de criar e da indústria da carne-de-sol, muito comum nas redondezas.

De uma das grandes propriedades que se ergueu com cerca de pau-a-pique nasceu a cidade de Sobral.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Sobral por Provisão de 30-08-1757.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Sobral em 05-07-1773. Entretanto, segundo outra fonte, a vila foi criada por Carta Régia de 22-06-1766. Com sede na povoação de Caiçara, é desmembrada da antiga vila de Fortaleza.

Elevada à condição de cidade, com a denominação de Januária de Acaraú, pela Lei Provincial n.º 222, de 12-01-1841.

Pela Lei Provincial n.º 244, de 25-10-1842, o município de Januária de Acaraú passou a denominar-se Sobral.

Pelo Ato Provincial de 18-03-1843 é criado o distrito de Santo Antônio e anexado ao município de Sobral.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911 o município é constituído de 4 distritos: Sobral, Cariré, Jordão e Santo Antônio do Aracatiassu.

Pela Lei Estadual n.º 2.701, de 13-09-1929, é criado o distrito de Riacho do Guimarães e anexado ao município de Sobral.

Pela Lei Estadual n.º 1.794, de 09-10-1920, o município de Sobral adquiriu o extinto município de Meruoca, como simples distrito.

Pela Lei Estadual n.º 193, de 20-05-1931, o município de Sobral adquiriu o extinto município de Cariré, como simples distrito.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933 o município aparece constituído de 10 distritos: Sobral, Caracará, Cariré, Forquilha, Meruoca, Riacho do Guimarães, Santa Maria, Santo Antônio do Aacatiassu, São José e Taquira, não figurando o distrito de Jordão.

Pelo Decreto n.º 157, de 23-09-1935, são desmembrados do município de Sobral os distritos de Cariré e Riacho do Guimarães, para formarem no novo município de Cariré.

Pelo Decreto Estadual n.º 158, de 23-09-1935, o distrito de Taquara passou a denominar-se Recreio.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937 o município é constituído de 12 distritos: Sobral, Caracará, Forquilha, Jordão, Meruoca, Santo Antônio do Aracatiassu, Santa Maria, São José, São Vicente, Guimarães e Recreio.

Pelo Decreto Estadual n.º 448, de 20-12-1938, o distrito de São José passou a denominar-se Patriarca, o distrito de São Vicente a denominar-se Jaibaras e o distrito de Santo Antônio do Aracatiassu a denominar-se Santo Antônio. Sob o mesmo decreto é extinto o distrito de Recreio, sendo parte do seu território anexado ao distrito de Jaibaras, do município de Sobral, e outra parte anexado ao distrito de Ubaúna, do município de Palmas.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939 a 1943, o município é constituído de 9 distritos: Sobral, Caracará, Forquilha, Jaibaras, Jordão, Meruoca, Patriarca, Santa Maria e Santo Antônio.

Pelo Decreto-lei Estadual n.º 1.114, de 30-12-1943, o distrito de Santa Maria passou a denominar-se Taperuaba e o distrito de Santo Antônio a denominar-se Aracatiaçu.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944 a 1948 o município é constituído de 9 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Caracará, Forquilha, Jaibaras, Jordão, Meruoca, Patriarca e Taperuaba.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1950.

Pela Lei Estadual n.º 1.153, de 22-11-1951, é desmembrado do município de Sobral o distrito de Meruoca, elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 8 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Caracará, Forquilha, Jaibaras, Jordão, Patriarca e Taperuaba.

Pela Lei Estadual n.º 3.958, de 10-12-1957, é criado o distrito de Olho D`Água, com terras desmembradas do distrito de Jaibaras. Sob a mesma Lei é criado o distrito de Trapiá, desmembrado do distrito de Forquilha e anexado ao município de Sobral.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960 o município é constituído de 10 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Caracará, Forquilha, Jaibaras, Jordão, Ôlho D`Água, Patriarca, Taperuaba e Trapiá.

Pela Lei Estadual n.º 6.482, de 28-08-1963, é criado o distrito de Bonfim e anexado ao município de Sobral.

Pela Lei Estadual n.º 6.754, de 13-11-1963, são desmembrados do município de Sobral os distritos de Aracatiaçu e Caracará, para formarem o novo município de Aracatiaçu.

Pela Lei Estadual n.º 6.458, de 09-08-1963, são desmembrados do município de Sobral os distritos de Forquilha e Trapiá, para formarem o novo município de Francisco Monte.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963 o município é constituído de 6 distritos: Sobral, Bonfim, Jaibaras, Jordão, Ôlho D`Água e Patriarca.

Pela Lei Estadual n.º 7.150, de 14-01-1964, é criado o distrito de Caioca e anexado ao município de Sobral.

Pela Lei Estadual n.º 8.339, de 14-12-1965, o município de Sobral adquiriu como distritos os extintos municípios de Aracatiaçu, Taperuaba e Forquilha, pois estes foram criados e não foram instalados.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1968 o município é constituído de 12 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Bonfim, Caioca, Caracará, Forquilha, Jaibaras, Jordão, Ôlho D`Água, Patriarca, Taperuaba e Trapiá.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1983.

Pela Lei Estadual n.º 11.012, de 05-02-1985, são desmembrados do município de Sobral os distritos de Forquilha e Trapiá, para formarem o novo município de Forquilha.

Em divisão territorial datada de 1988 o município é constituído de 10 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Bonfim, Caioca, Caracará, Jaibaras, Jordão, Ôlho D`Água, Patriarca e Taperuaba.

Pela Lei Municipal n.º 111, de 24-11-1989, é criado o distrito de São José do Torto e anexado ao município de Sobral.

Em divisão territorial datada de 1993 o município é constituído de 11 distritos: Sobral, Aracatiaçu, Bonfim, Caioca, Caracará, Jaibaras, Jordão, Rafael Arruda, Patriarca, São José do Torto e Taperuaba.

Fonte: IBGE

Voltar

 

O que a prefeitura faz, a gente mostra aqui!

 


© Copyright 2015-2019 Prefeitura em Pauta.
Todo conteúdo deste site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

LOGIN DO USUÁRIO

Buscar cidade